Sexta, 18 de Janeiro de 2019
Dourados
Indígena é encontrado morto dois dias após sair para trabalhar
Imagem: Osvaldo Duarte
Publicado em 03/01/2019

Indígena de 62 anos, identificado como José Nunes, foi encontrado morto na tarde desta quinta-feira (3/1) na Aldeia Bororó, Reserva Indígena de Dourados. Ele saiu de sua casa na terça-feira (1º), dizendo que trabalharia e desde a data, não mais retornou.

De acordo com o apurado no local pelo Dourados News, o corpo estava próximo a uma mata, no lote 661 na mesma aldeia onde reside.

Conforme a família, em 1º de janeiro ele pegou a bicicleta com ferramentas e saiu de casa, dizendo que prestaria um serviço.

José trabalha com serviços gerais e teria parado em outro local para almoçar, se deslocando em seguida para a região onde foi encontrado.

Populares chegaram ao corpo já em estado de decomposição devido ao mau cheiro e avisaram lideranças indígenas.

A Polícia Civil foi acionada e se dirigiu até a Reserva na companhia da Perícia. Ainda não se sabe o que motivou o óbito.

José Nunes foi encaminhado ao Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) e o caso é investigado.

Policiais não encontraram a bicicleta da vítima, apenas a caixa de ferramentas.

Por: Adriano Moretto e Osvaldo Duarte
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2019 © Todos os direitos reservados - 5 usuários online - Páginas visitadas hoje: 0