Quarta, 19 de Setembro de 2018
Dourados MS
MADSON VÊ COMO RETROCESSO PROJETO QUE PREJUDICA A POLÍTICA HABITACIONAL DE DOURADOS
Imagem: assessoria
Publicado em 05/07/2018

O vereador Madson Valente (DEM) apontou que o Projeto de Lei nº 014/2018, enviado pela prefeitura de Dourados para Casa de Leis, na sessão ordinária de terça-feira (03), é um retrocesso que prejudica a política habitacional de Dourados. O projeto promoveu com grande debate entre os vereadores de base da sustentação do governo municipal e os independentes.

Para ele o projeto trata da redução dos atuais 100% do Fundo Municipal de Habitação para apenas 20% dos recursos auferidos através das compensações financeiras efetivadas por empreendimentos imobiliários fechados como forma de compensação ao município das reservas de áreas institucionais obrigatórias.

O projeto do executivo transferiu estes recursos para outra destinação, indo para o Fundo Municipal de Urbanização, que na avaliação de Madson é uma atitude equivocada por parte da gestão municipal, pois ele entende que o executivo precisa estabelecer o que de fato são ações prioritárias, se tornando inconcebível que os interesses urbanísticos venham sobrepor a política de construção de casas para população.

"Poderíamos até concordar, desde que no município não tivesse uma fila de mais de 15 mil pessoas aguardando pela realização do sonho da casa própria, considero um absurdo, uma inversão de prioridades. Nós precisamos estimular a política habitacional do município e não contribuir para que a atual gestão promova mais este prejuízo para população, notadamente para aqueles que mais precisam", disse Madson na tribuna da Casa de Leis.

O parlamentar lamentou a aprovação do projeto e afirmou que Dourados através desta iniciativa, principalmente sua população mais carente, pagará um preço muito alto, visto que o Fundo que existia poderia dar grande contribuição ao setor habitacional, servindo de contrapartida para projetos executados em parceria com o estado e a união.

Por: Redaçâo
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2018 © Todos os direitos reservados - 5 usuários online - Páginas visitadas hoje: 1315