Segunda, 14 de Outubro de 2019
CAMPO GRANDE
Em evento lotado com direito a escola de samba, Delcídio assume comando do PTB em MS
Imagem: ASSESSORIA
Publicado em 21/09/2019

Em evento lotado com direito a escola de samba na Câmara Municipal de Campo Grande, na manhã deste sábado (21), o ex-senador Delcídio do Amaral (PTB) assumiu o comando do diretório regional do partido em MS e disse estar voltando à política ‘de mãos limpas para terminar uma missão’. Além de lideranças petebistas e do presidente nacional do partido, Roberto Jefferson, participaram do ato políticos de outras legendas, incluindo o governador André Puccinelli (MDB) e o ex-prefeito de Corumbá Paulo Duarte (MDB).


(Henrique Arakaki, Midiamax)
“Venho de mãos limpas, leve, de volta, pra terminar uma missão que Deus me deu”, disse Delcídio ao falar sobre seu retorno à política. Com sua volta, as demais lideranças do partido já vislumbram não só disputa pela prefeitura de Campo Grande, mas miram o Governo do Estado em 2022.

“Com certeza nós vamos disputar o Governo com o senador Delcídio do Amaral”, afirmou o deputado estadual Neno Razuk (PTB) ao passar o comando da legenda no Estado. Na avaliação dele, o ex-senador pode ser candidato no próximo ano em qualquer um dos municípios de MS. Ao Jornal Midiamax, Roberto Jefferson havia adiantado que pediria pessoalmente a Delcídio que disputasse a prefeitura de Campo Grande.

Segundo Delcídio, seu primeiro ato será rodar o Estado para construir diretórios representativos. “E fazer um partido leve. Um partido vibrante, que abrace as causas econômicas, as causas sociais. E que entenda que o Brasil precisa de muito mais coisas além desse discurso quase monocrático em cima de alguns temas quando na verdade o Brasil precisa olhar para o futuro, para construir uma sociedade cidadã que é o que todos nós esperamos”, acrescentou o ex-senador.

Questionado sobre 2019, Delcídio disse ser soldado do partido. “Eu sou candidato a trabalhar com o partido e com o Neno [Razuk] aqui e com o Roberto [Jefferson] lá em Brasília. Aí o partido vai discutir, vai conversar, vai ver o que é melhor e eu sou soldado do Roberto”, comentou.

A prefeita de Dourados, Délia Razuk (PTB), também se filiou nesta manhã, mas preferiu não falar sobre os planos futuros. “Quando você se filia, você se coloca à disposição do partido. Mas nesse momento nosso foco é administração municipal”, desconversou.

Por: REDAÇÃO
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2019 © Todos os direitos reservados