Segunda, 14 de Outubro de 2019
Dourados
Saraiva quer conselho tutelar com apoio de Sidlei Alves, Madson Valente e Alison Tizil
Imagem: ASSESSORIA
Publicado em 17/09/2019

O ex-vereador Francisco Moreira Saraiva, é candidato ao cargo de conselheiro tutelar em Dourados, as eleições serão realizadas no dia 06 de outubro. Na atualidade, o mesmo que é comerciante, está sendo apoiado pelo núcleo político do vereador Madson Valente (DEM) e do ex-vereador e ex-presidente da Câmara de Dourados Sidlei Alves da Silva, que foi preso durante a Operação Uragano da Polícia Federal realizada em 2010, cujos processos judiciais ainda estão em grau de recursos protelatórios no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Saraíva que exerceu a vereança entre 1993 a 1996, ainda foi ocupante de cargo de confiança como diretor do Centro do Trabalhador sediado na Escola Municipal “Avani Fehlauer’ do Jardim Flórida I, isso na gestão do então prefeito Ari Artuzi (2009-2010).

Francisco Saraiva ainda está sendo apoiado pelo atual conselheiro tutelar Alisson Leonardo Dias, o Tizil, envolvido em 2017 em denúncias apuradas pelo MGS News e Ministério Público sobre sua eventual eleição ao cargo público em 2015 se utilizando da falsificação de documento, onde uma declaração atestava duvidosamente o seu vinculo com crianças e adolescentes através da Ong Grupo Escoteiro São Jorge, incursões arquivadas após diligências do promotor Luiz Gustavo Terçariol.

Porém, no dia 27 de novembro de 2018, surgiram fatos novos demonstrando indícios da real existência deste documento falso utilizado por Alisson, quando o pedagogo Paulo Satyro Silva Neto atual presidente da União dos Escoteiros do Brasil, Regional em Campo Grande (UEB-MS), encaminhou documento oficial a redação deste jornal, atestando que Alisson Leonardo jamais pertenceu aos cadastro internacional de escoteiro, que depende de cursos de formação no ramo adulto e senior.

A redação deste portal tentou contato por telefone com Saraiva, Alisson, com o vereador Madson, Sidlei Alves e a diretora-presidente da Ong Grupo Escoteiro São Jorge, mas não obteve sucesso, o direito de resposta está reservado a todos os citados.

Por: REDAÇÃO
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2019 © Todos os direitos reservados