Domingo, 22 de Setembro de 2019
Sanesul MS
Sanesul investe R$ 241 milhões em obras de saneamento para Dourados
Imagem: ASSESSORIA
Publicado em 04/09/2019

Em Dourados, o Governo do Estado, por meio da Sanesul no período de 2015 a 2019, investe cerca de R$ 241.5 milhões de reais, beneficiando milhares de famílias com água tratada de qualidade e com a coleta e tratamento de esgoto. Nas obras já concluídas foram investidos cerca de R$ 72,8 milhões.

Atualmente, o município passa por um momento importante, que irá transformar o sistema de saneamento e trará avanços significativos na cobertura de esgotamento sanitário. Estamos com a execução de varias obras que somam mais de R$ 109 milhões.

Entre elas, no Sistema de Esgotamento Sanitário, a Construção da ETE Ipê de capacidade de tratar 100 litros por segundo, 312 km rede coletora de esgoto, 15.600 ligações domiciliares de esgoto, laboratório, linha recalque, estações elevatórias, interceptor e demais obras complementares.

E no Sistema de Abastecimento de Água, temos a perfuração e ativação de um poço tubular profundo, construção de dois reservatórios, elevatória de água, novas redes de distribuição e 5.000 ligações domiciliares de água, entre outras obras complementares.

Quanto aos investimentos para as obras que serão executadas, num cronograma já programado pela Sanesul (em contratação/licitação ou a licitar), são R$ 58 milhões. Algumas são de Ampliação da capacidade da ETE Ipê, ampliação ETE Laranja Doce, mais redes coletora de esgoto e ligações domiciliares, interceptor, elevatórias de esgoto, e demais obras complementares.

Os desafios são muitos e diários dentro do setor tão complexo de saneamento. Mas, o principal é a universalização do esgotamento sanitário. A expectativa é que em 2022 a cobertura de esgoto em Dourados chegue aos 91%.

A Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul), possui um Plano de Investimento para cada município operado (são 68 municípios e 60 distritos). Nos últimos quatro anos são mais de R$ 1 bilhão de reais. Desse valor, cerca de R$ 707,8 milhões são recursos próprios da Sanesul, o restante é proveniente do Governo Federal e outros convênios, integralmente aplicados nos sistemas de Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário. A empresa produz (capta, trata e distribui) bilhões de litros de água por mês, possui 13 Estações de Tratamento de Água (ETA), 405 poços e 388 reservatórios.

Nos últimos 40 anos, a Sanesul conseguiu vencer o desafio de fornecer água potável para milhares de sul-mato-grossenses. Para alcançar essa meta, foram anos investindo pesado no setor e realização de obras de grande porte nas cidades.

A empresa buscou profissionais capacitados em construir projetos de captação e distribuição de água, buscou recursos financeiros com o governo Federal, investiu recursos próprios em todas as obras, fechou contratos com empresas, construiu planos de saneamento junto com prefeituras, criou e discutiu planos de investimento com autoridades. Mas, o mais importante, convenceu a população sobre os benefícios do saneamento para a qualidade de vida e saúde pública.

Agora a Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul concentra seus esforços para outro grande desafio, talvez o maior até hoje. A Sanesul e o Governo do Estado de MS querem universalizar a coleta e tratamento de esgoto para seus clientes. E juntos, já estão trabalhando para isso.

Por: REDAÇÃO
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2019 © Todos os direitos reservados