Segunda, 30 de Novembro de 2020
Desde 1979 no poder
Com a morte de Onevan, filha assume a candidatura a prefeitura de Naviraí
Imagem: Rhaiza Matos ao lado pai, Onevan Matos - Divulgação
Publicado em 14/11/2020

Com a morte repentina por Covid-19 do deputado estadual será e candidato à prefeitura de Naviraí, Onevan de Matos (PSDB), sua filha, a cirurgiã dentista Rhaiza Matos (PSDB) é quem a susbstituta como candidata a prefeita da cidade.

A confirmação partiu do assessor de Onevan, Feranando Ortega, que esteve ao lado dele por 18 anos.

“Estamos fazendo os trâmites burocráticos e cumprindo todas as exigências que a lei prevê. A Justiça Eleitoral prevê a substituição apenas com 20 dias de antecedência, com exceção apenas de morte ”, disse Ortega.

Segundo a Lei Eleitoral, qualquer candidato pode fazer campanha até hoje às 22 horas deste sábado, véspera de eleição. Na urna eleitoral, a foto ainda será de Onevan, mas seus votos serão computados para Rhaiza, caso sua candidatura seja aprovada.

Ainda de acordo com o assessor, Onevan deixa um legado de 45 anos de história em Mato Grosso do Sul que sua filhar quer dar continuidade. “Ela foi uma fortaleza, ela permaneceu ao lado dele durante todo esse tempo que ele estava internado e ontem a voz dela continuou muito serena. Esse tipo de dor ela vem quando a gente menos espera. Não posso falar por ela, mas acho que o que a Rhaiza tem para oferecer para a população é isso, o legado do pai dela ”, pontuou.

Velório

A notícia do falecimento do candidato que liderava a corrida pela prefeitura chegou a dois dias das novidades. Ele estava internado no hospital Sírio Libanês, em São Paulo, em tratamento há mais de um mês. O velório de Onevan de Matos aconteceu no estádio José Cândido dos Santos Virote, o Virotão, em Naviraí, nesta manhã (14).

Pelo menos 400 cadeiras foram colocadas sem gramado, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e o presidente da Assembleia Legislativa, Paulo Corrêa (PSDB), deslocaram-se para Naviraí para acompanhar o velório e sepultamento do deputado.

Por: Carol Alencar Cozzatti, Gabrielle Tavares / Correio do Estado
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2020 © Todos os direitos reservados